quarta-feira, 13 de janeiro de 2010

Aí Ele me amou



Normalmente eu mesma escrevo os textos que posto, mas dessa vez quem conseguiu expressar certos sentimentos de forma belíssima foi outra pessoa e gostaria muito de compartilhar com vocês esse belo texto. Aproveitem!

Hoje pela manhã ouvi uma música que me fez chorar como criança. “Eu estava lá”, do pastor Emerson Pinheiro, fala de momentos difíceis que marcam nossa vida, como traições, abandonos, frustrações e morte. Momentos que, ao enfrentarmos, temos a sensação de que não vamos sobreviver.

Já passei por isso. Vi meu mundo cair, não havia futuro à frente dos meus olhos e acreditei que minha alma seria consumida por aquela dor até que chegasse o dia da minha morte. Sou testemunha de que essas são situações que Deus nos permite passar para que o caráter de Cristo seja forjado em nós. O problema é que nossa humanidade não acredita nisso e ainda clama: “Deus não está presente”.

Queria ter escutado essa música antes. Diz assim: “Mas Eu sou teu Deus e estava lá. No meio do teu vale, colhendo as tuas lágrimas em noites escuras. Já senti a dor do que é perder um filho, a dor de ser traído. Já senti a dor do que é sofrer sozinho e fiz tudo por você. Faria de novo por você”

Na hora em que eu mais precisei, no dia em que mais chorei, só Ele estava lá. Quando ninguém me entendeu e os conselhos só me feriam mais, Ele foi o único que me deixou sofrer, até que toda dor escoasse do meu coração. Até que minha alma ficasse leve novamente. Aí Ele me amou.

“Não te deixarei, nem te desampararei.”
Hb 13:5

Texto: Elida Suzana (Jornalista)

3 comentários:

Ju disse...

Que coisa mais linda!!!
Verdades profundas.
Deus te abençoe.
Bj

Jura

Elida Suzana disse...

Obrigada, Arina! Já disse e repito: sinto-me honrada! Deus abençoe você com profundas revelações das verdades espirituais. São momentos especiais, quando entendemos com o coração aquilo que talvez já levávamos na mente há anos...

Linhagem da Gra disse...

Olá Aria e Elida,

sem dúvida, nem um turbilhão de emoções, nem ondas de tribulações ou tornados de preocupações podem impedir o amor do Pai, que a cada dia cada uma de vcs possa experimentar esse amor que esse o entendimento e o raciocício!

Grasi