sexta-feira, 17 de julho de 2009

Isso é sonhar



Aqui no meu blog já falei sobre sonhos, mas existem tantas formas de sonhar que tive que voltar ao assunto. Creio que sonhar é uma questão de ousadia, é correr atrás das coisas que o mundo diz ser impossível. Foi exatamente isso que aprendi com meu pai. Ele tem tanta ousadia nos seus sonhos que foi capaz de fazer uma carta para o Governador do Estado do Rio de Janeiro com suas idéias para a questão urbanísticas.

Você agora deve estar pensando: “Para que escrever ao governador de um estado como o Rio de Janeiro, ele com certeza não irá ler...”. Mas é por isso que sonho se chama sonho! Segundo o dicionário Aurélio, um dos significados do sonho e verdade encaixada nesse texto é: “Idéia acalentada, ideal: o sonho da liberdade”.

Temos o costume de brincar de “achar”. Achamos que algumas coisas são inviáveis e tomamos isso como verdade absoluta. Agir assim é como negar sua própria capacidade. Creio que na vida o importante é buscar fazer o nosso melhor, ou o nosso possível. Se o meu possível para ajudar no desenvolvimento urbano do meu estado é fazer uma carta, que nem eu sei se será lida, eu farei.

Rio de janeiro 27 de janeiro de 2009

Exmo. Sr.
Governador do Estado do Rio de Janeiro
Sergio Cabral

Eu, Norberto Oliveira da Silva, sensível às necessidades dos povos das cidades que margeiam a BAIA de GUANABARA no tocante aos transportes, tece algumas considerações e faço sugestões e gostaria de saber se há algum projeto em andamento neste sentido.

Venho observando que o transporte marítimo na ILHA DE PAQUETÁ tem mantido a sua regularidade diária em seus horários. Nota-se que os MUNICÍPIOS que margeiam a Baía da Guanabara são INFINITAMENTE MAIORES em POPULAÇÃO do que a Ilha que já inspirou a literatura nacional e o cancioneiro popular. Cidades como São Gonçalo, Itaboraí, Magé, Duque de Caxias poderiam ser beneficiados com o transporte marítimo, porém, a despeito de reivindicações históricas, ainda não foram atendidos.
Vamos às sugestões para estudo.

1. Acredito na possibilidade de implantação de uma linha marítima com os seguintes itinerários:
1.1. partindo de Magé com pontos em Praia de Mauá, Piabetá, Saracuruna, Caxias, Ilha do Fundão, Caju, Rodoviária Novo Rio destino final Praça Mauá.
1.2. partindo de Manilha (que atenderia Itaboraí) seguindo para São Gonçalo, Barreto, Ilha da Conceição, Rodoviária Novo Rio e destino final Praça Mauá.

2. Se houvesse uma estação de tratamento de esgoto em São Cristóvão ou Praça da Bandeira, o Canal do Mangue poderia ser navegável até a Praça Onze.

3. A construção de um canal subterrâneo da Praça Onze à Candelária na captação do ciclo da água da Baía seria viável.

Será que o transporte marítimo não é uma vocação do Estado do Rio, ou os governantes ainda não se entenderam com os Prefeitos das cidades que margeiam a Baía de Guanabara.

Como eleitor do Estado do Rio de Janeiro, creio ser interessante este tipo de projeto de transporte alternativo. Suponho que, com essa opção, a população pudesse ser poupada dos constantes engarrafamentos nas grandes vias de acesso a cidade do Rio, tanto para o trabalho quanto para seus domicílios. O volume de veículos rodoviários aumenta dia a dia e parece que dentro em breve não haverá mais pista de rolagem que agüente o fluxo, sobretudo nas horas de pico (entre 6h e 8h e entre 17h e 19h).

Creio que este tipo de transporte atrairia investimentos na indústria naval e geraria empregos nos municípios em referência, incrementaria o comércio nos pontos de embarque/desembarque e ampliaria o turismo no Estado.

Sei da herança negativa deixada pelos desgovernos que o antecederam e do tremendo esforço em realizar os projetos do atual mandato. Percebo o esforço de seu governo na busca de soluções em prol da melhoria da qualidade de vida do cidadão fluminense, sobretudo, na cidade do Rio de Janeiro, onde resido. Por isso resolvi pronunciar-me diretamente a V.Exa. no sentido de contribuir com seu projeto de governo e exercer meu dever cidadão de participar da vida de meu Estado.

Na qualidade de seu eleitor, que acompanha sua carreira política desde suas primeiras legislaturas. A referência objetiva foi ter recebido de um seu assessor, o Escurinho Penha (a quem não vejo há muito tempo) me deu um plástico para colocar no meu golzinho, na sua primeira candidatura a vereador de nossa cidade.

Sem mais para o momento, apresento meus cumprimentos e ponho-me ao inteiro dispor de V.Exa, para contatos e maiores esclarecimentos.

Norberto Oliveira da Silva

Foto: Arina Paiva

2 comentários:

Ana disse...

Realmente brilhante o seu blog minha amiga, me orgulho de ser sua seguidora. A carta de seu pai reflete bem a idéia de sonhar, realmente muito legal.
abraços
Aninha

Ruben disse...

Realmente é um absurdo que nós cariocas somos tão privilegiados com uma baía imensa que banha tantos municipios, e termos só e somente 01 linha de barcas intermunicipais. É essa politica protecionista das empresas de onibus que impede as coisas de "andarem" efetivamente"! Moro em São Gonçalo, e levo quase 03hs de transporte publico para ir na casa da minha irmã em Berford Roxo; com o transporte marítmo, com certeza este tempo seria reduzido em 01h. Sds; Ruben & Vania.